HISTORIA-3.png

HISTÓRIA

O Santuário Diocesano de Nossa Senhora de Santa Cabeça tem suas origens por volta do ano de 1829 quando dois homens ao pescarem no rio Tietê, recolheram em suas redes a cabeça de uma imagem de Nossa Senhora.


Não sabendo o que fazer com a parte da imagem encontrada os dois pescadores deram-na de presente a um negociante que vinha do Rio Grande do Sul com destino ao Rio de Janeiro, chamado José Corrêa. Este por sua vez, ao passar pelo bairro do Paiol pertencente à Paróquia de Silveiras, ofereceu à Joana de Oliveira, que a guardou com respeito e devoção.


Depois de certo tempo, Joana de Oliveira mudou-se para o bairro de Jataí, pertencente à Paróquia de Cachoeira Paulista e trouxe consigo a Imagem da santa, que colocou num lugar especial de sua casa.


Desde então, centenas de pessoas da vizinhança vinham até a casa de Joana de Oliveira, para rezar e agradecer os milagres que recebiam da venerada Imagem. A casa tornou-se pequena para receber a multidão que vinha de todas as paróquias vizinhas para venerar a Imagem de Nossa Senhora. O então vigário de Jataí, Pe. João Graciano de Farias, aconselhou a Silvéria de Oliveira, filha de Joana de Oliveira, que ficara com a Imagem, a angariar fundos, para construir uma capela, onde fosse venerada a Imagem de Nossa Senhora.


O Pe. João Graciano de Farias foi sepultado no cemitério de Jataí, perto de Nossa Senhora, a quem ele fez edificar a primeira capela.
Mais tarde, foi feita outra capela maior que também tornou-se pequena, finalmente em 26 de agosto de 1928, foi inaugurada por Mons. José Machado a atual Igreja.


Estes dados foram recolhidos por intermédio de João Joção de Oliveira, neto de Joana de Oliveira, conforme o consenso do povo do seu tempo e transmitidos por Mons. José Machado, vigário da comunidade de 1917 a 1939.


Santuário Diocesano


No dia 26 de setembro de 2010, por decreto do bispo diocesano, Dom Benedito Beni dos Santos, foi criado o Santuário de Nossa Senhora de Santa Cabeça, antes pertencente à Paróquia de Santo Antônio de Cachoeira Paulista-SP.


Seu 1° Reitor foi o Mons José Verreschi Neto, o seu 2° Reitor o Pe. Daniel de Oliveira, o seu 3º e atual Reitor é o Pe. Pedro de Almeida Cunha.


O Santuário foi criado com o objetivo Pastoral de auxiliar a formação do clero da Diocese de Lorena e também na medida do possível auxiliar as Dioceses pobres do Norte do país, como as da Amazônia, na formação de seus presbíteros, dando a eles a possibilidade de enviar à nossa diocese seus candidatos para fazerem sua formação inicial conosco, para, depois de preparados nesta primeira etapa da formação, serem reenviados às suas dioceses de origem para serem ordenados.


Sobre a imagem de Santa Cabeça


A imagem venerada com o nome de Santa Cabeça é a cabeça de uma imagem de Nossa Senhora. A cabeça está dentro de uma redoma circundada por um resplendor dourado e sustentada por dois anjos.


Não se tem notícia de quem idealizou esta imagem dos dois anjos que seguram o resplendor onde fica depositada a cabeça da imagem encontrada.
 

SAIBA MAIS

O reitor do Santuário de Nossa Senhora da Santa Cabeça, em Cachoeira Paulista (SP), Padre Pedro Cunha explica a diferença entre as duas devoções, Nossa Senhora da Cabeça e Santa Cabeça.

Matéria produzida e veiculada pelo Portal A12
da Rede Aparecida de Comunicação.

SOBRE NÓS

O Santuário Diocesano Nossa Senhora de Santa Cabeça é um santuário pequenino e modesto, como a Casa de Nazaré um dia foi.

Um ambiente propício para a Oração, a meditação, além da contemplação da natureza. Em nossa humildade e pobreza oferecemos o que temos de melhor. Venha fazer uma visita e conhecer o nosso Santuário! Esperamos por você!

LOCALIZAÇÃO

(12) 99756-9293

Santuário Santa Cabeça

Caixa Postal 83

Cachoeira Paulista – SP

CEP 12630-070

secretaria@santacabeca.com.br

CONECTE-SE CONOSCO!
  • Grey Facebook Icon
  • Grey Instagram Icon

© 2020 Santuário Nossa Senhora de Santa Cabeça.